A teoria da ação dialógica no novo cenário da democracia brasileira

A teoria da ação dialógica no novo cenário da democracia brasileira

Resumo

Estamos vivenciando um novo contexto no processo de redemocratização do Brasil quese iniciou desde o movimento das diretas já na década de 80. Por um lado a sociedadecivil organizada, através de movimentos sociais, organizações não-governamentais,associações de bairros, movimentos populares, têm participado de uma forma mais direta na gestão da coisa pública, seja ela municipal, estadual ou nacional e no âmbito do poder legislativo e do executivo, criando alternativas de participação democrática dentro do modelo atual de representatividade. Por outro lado, as manifestações das últimas semanas do mês de junho deste ano mobilizaram a sociedade de uma forma raramente vista no atual contexto da nossa democracia, levando às ruas toda sua insatisfação e indignação com a forma como as decisões políticas vêm sendo elaboradas ao longo de décadas. São esses dois aspectos desse cenário político nacional que pretendo refletir nessa apresentação a partir de uma leitura freireana da realidade social.

Palavras-chave

Democracia Participativa, Pedagogia Libertadora, Práxis


Comunicação apresentada no VIII Colóquio Internacional Paulo Freire, em setembro de 2013, no campus da UFPE. A versão completa do trabalho pode ser encontrada no website do evento: VIII Colóquio Internacional Paulo Freire.

 

Educação e Política → A teoria da ação dialógica no novo cenário da democracia brasileira