MAQUIAVEL, Nicolau

MAQUIAVEL, Nicolau

Bibliografia Primária

 

MAQUIAVEL, Nicolau. A arte da guerra; A vida de Castruccio Castracani; Belfagor, o arquidiabo; O príncipe. 3. Ed. Tradução Sérgio Bath. Brasília: Editora da UnB, 1987.

____. A mandrágora. Tradução de Mário da Silva. São Paulo: Peixoto Neto, 2004. (Os grandes dramaturgos, 3).

____. Comentários sobre a primeira década de Tito Lívio. “Discorsi”. Tradução de Sérgio Bath. 3. ed. Brasília, UnB, 1994.

____. Da arte da guerra. Tradução de Edson Bini. Bauru – SP: EDIPRO, 2002 (Série Clássicos EDIPRO).

____. Discursos sobre a primeira década de Tito Lívio. Martins Fontes, 2007.

____. Discursos sobre a primeira década de Tito Lívio. Brasília: UnB, 1982.

____. Escritos políticos. Tradução Lívio Xavier. Bauru: EDIPRO, 1995.

____. História de Florença. Tradução de Nelson Canabarro. São Paulo: Musa, 1998.

____. O príncipe e escritos políticos. Tradução de Lívio Xavier. São Paulo: Abril Cultural, 1973 (Coleção Os Pensadores, 9).

____. O Príncipe. Tradução de Maria Júlia Goldwasser. São Paulo: Martins Fontes, 2004.

____. O príncipe. Com um artigo de Mussolini a servir de introdução, Tradução de Francisco Morais. Coimbra, Atlântida: Livraria Editora Coimbra, 1935.

____. O príncipe. Tradução de Elias Davidovich, Rio de Janeiro, Calvino Filho, 1933. (primeira tradução da obra para o português)

MACHIAVEL, Nicholas. Discours sur la première décade de Tite-Live. Préface de Claude Lefort. Traduit de l'Italien par Toussaint Guiraudet. Paris : Bibliothèque Berger-Levrault, 1980.

____. Le Prince et autres textes. Paris : Union générale d’Éditions, 1962.

MAQUIAVELO, Nicolás. Discursos sobre la primera década de Tito Livio. Tradução de Ana Martínez Arancón. Madrid: Alianza Editorial, 2005.

MACHIAVELLI, Niccolò. Il Príncipe e altre opere politiche. Milano: Garzanti, 2005.

____. Il principe con il preludio al Machiavelli di Benito Mussolini e il Saggio di Francesco De Sanctis. Milano: Società anonima Notari; Istituto Editoriale Italiano, 1928.

____. Opere. A cura di Corrado Vivanti. Torino: Einaudi-Gallimard, 1997.

____. Opere. Milão: Riccardo Ricciardi, 1954.

____. Scritti letterari. Tutte le Opere. A cura de Mario Martelli. Firenze: Sansón, 1992. [Volume único].

 

 

Bibliografia Secundária em Português

 

AMES, José Luiz. Maquiavel: a lógica da ação política. Cascavel: EDUNIOESTE, 2002.

____. Lei e estado no Pensamento de Niccolò Maquiavelli. In: PERES, Daniel Omar (org). Ensaios de Ética e Política. Cascavel: Edunioeste. 2002.

ARANHA, Maria Lúcia A. Maquiavel: a lógica da força. São Paulo: Moderna. 1993.

BARINCOU, Edmond. Maquiavel por ele mesmo. Tradução de Alberto de los Santos. Brasília: EdUnB, 1991.

BATH, Sérgio. Maquiavelismo: a prática política segundo Nicolau Maquiavel. São Paulo: Editora Ática, 1992.

BIGNOTTO, Newton. Maquiavel. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 2003.

BIGNOTTO, Newton. Maquiavel republicano. São Paulo: Loyola, 1991 (Coleção Filosofia, 19).

BOBBIO, N.; MATTEUCCI, Nicola; PASQUINO, Gianfranco. Dicionário de política. 11ª ed. Brasília: Editora da UnB, 1998. (verbete: maquiavelismo)

BURCKHARDT, Jacob. A cultura do renascimento na Itália: um ensaio. Tradução de Sérgio Tellaroli. São Paulo: Companhia das Letras, 2003.

CASSIRER, Ernst. O mito do Estado. Rio de Janeiro: Zahar, 1976.

CHEVALLIER, Jean-Jacques. As grandes obras políticas: de Maquiavel a nossos dias. 2. ed. Rio de Janeiro: Agir, 1996.

CONDREN, Conal. Marsílio e Maquiavel. In: FITZGERALD, Ross. (Org.). Pensadores políticos comparados. Tradução de Antônio Patriota. Brasília: Editora Universidade de Brasília, 1983. p. 93-109.

CORTINA, Arnaldo. O Príncipe de Maquiavel e seus leitores: uma investigação sobre o processo de leitura. São Paulo: UNESP, 2000.

DE GRAZIA, Sebastian. Maquiavel no inferno. São Paulo: Companhia das Letras, 1993.

DUVERNOY, J. F. Para conhecer o pensamento de Maquiavel. Tradução de Suely Bastos. Porto Alegre: L&PM, 1984.

GRAMSCI, Antonio. Maquiavel: a política e o Estado moderno. Tradução de Luiz Mário Gazzaneo. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1968.

GRUPPI, Luciano. Tudo começou com Maquiavel. 3. ed. Porto Alegre: L&PM. 1980.

HEBECHE, Luiz Alberto. A guerra de Maquiavel. Ijuí: UNIJUÍ Ed., 1988.

HELLER, Agnes. O homem do renascimento. Tradução de Dario Canali. Porto Alegre: L&PM, 1980.

LARIVAILLE, Paul. A Itália no tempo de Maquiavel. Tradução de Jônatas Batista Neto. São Paulo: Cia das Letras, 1988.

MENISSIER, Thierry; BERLINER, Claudia. Vocabulário de Maquiavel. São Paulo: wmf Martins Fontes, 2012.

MERLEAU-PONTY, Maurice. Notas sobre Maquiavel. In: ______. Signos. São Paulo: Martins Fontes, 1991. p. 237-52.

NAMER, Gerard. Maquiavel: ou as origens da sociologia do conhecimento. Tradução de Armando R. Pinto. São Paulo: Cultrix, 1982.

NEDEL, José. Maquiavel: concepção antropológica e ética. Porto Alegre: EDIPUCRS, 1996.

NIVALDO, José. Maquiavel, o Poder. São Paulo: Martin Claret, 2004.

QUIRINO, Célia Galvão; SADEK, Maria Tereza (orgs.). O pensamento político clássico: Maquiavel, Hobbes, Locke, Montesquieu, Rousseau. 2. ed. São Paulo: Martins Fontes, 2003.

RIDOLFI, Roberto. Biografia de Nicolau Maquiavel. Tradução de Nelson Canabarro. São Paulo: Musa, 2003. (Ler os Clássicos, 9).

ROSENFIELD, Denis. Filosofia política e natureza humana. Porto Alegre: L&PM, 1990.

RODRIGO, Lídia Maria. Maquiavel: educação e cidadania. Petrópolis, RJ: Vozes: 2002.

SADEK, Maria Teresa. Nicolau Maquiavel: o cidadão sem fortuna, o intelectual da virtú. In: WEFFORT, Francisco C. (org). Os Clássicos da Política. 13. ed. São Paulo: Ática, 2004. v.1.

SKINNER, Quentin. Maquiavel: pensamento político. Tradução de Maria Lucia Montes. São Paulo: Brasiliense, 1988.

TENENTI, Alberto. Florença na época dos Médici: da cidade ao Estado. São Paulo: Perspectiva, 1973.

VIROLI, Maurizio. O sorriso de Nicolau: história de Maquiavel. Tradução de Valéria Pereira da Silva. São Paulo: Estação Liberdade, 2002.

WEFFORT, Francisco C. (org.). Os clássicos da política. 12ª ed. São Paulo: Editora Ática, 1999.

 

Bibliografia Secundária em Outras Línguas

 

BARTUREN, María Begoña Arbulu; BAGNO, Sandra. La recepción de Maquiavel y Beccaria en ámbito ibero-americano. Padova: Unipress, 2006.

BERGÈS, Michel. Machiavel, un penseur masqué? Bruxelles: Éditions Complexe, 2000, 360 pp. Collection : Théorie politique.

BONADEO, A .Corruption, conflit, and power in the works ant time of Niccolò Machiavelli. Berkeley: University of Califórnia, 1973.

CAMPI, Alessandro (ed.), Il principe di Niccolò Machiavelli e il suo tempo 1513–2013. Roma: Istituto della Enciclopedia Italiana fondata da Giovanni Treccani, 2013.

CHABOD, Federico. Scritti su Machiavelli. Torino: Giulio Einaudi Editore, 1964.

COLONNA d´ISTRIA, Gerard; FRAPET, Roland. L´Art politique chez Machiavel. Paris: Vrin, 1980.

CONDE, Francisco Javier. El saber politico en Maquiavelo. Madrid: Biblioteca de la Revista de Occidente, [1976].

DONSKIS, Leônidas (Edit.). Niccolò Machiavelli: history, power, and virtue. New York: Editions Rodopi B.V., 2011.

GUILLEMAIN, B. Machiavel: l’anthopologie politique. Genève: Droz, 1974.

LARIVAILLE, Paul. La pensée politique de Machiavel: les discours sur la primière décade de Tite-Live. Nancy: Presses Universitaires de Nancy, 1982

LEFORT, Claude. Le travail de l’ oeuvre Machiavel. Paris: Gallimard, 1972.

MANSFIELD, H. Machiavelli’s virtue. Chicago: Chicago University Press, 1996

MANSFIELD Jr., Harvey C. Maquiavelo y los principios de la politica moderna – un estudio de los Discursos de Tito Lívio. México: FCE, 1986.

NAMER, Émile. Machiavel. Paris: PUF, 1961.

PAREL, Anthony. The Machiavellian cosmos. New Haven: Yale University press, 1992.

POCOCK. J.G.A. The Machiavellian Moment. Princeton: Princeton University Press, 1975.

RENAUDET, Augustin. Machiavel. Étude d’histoire des doctrines politiques. 8. ed. Paris: Gallimard, 1942.

SASSO, Genaro. Studi su Machiavelli. Napoli: Morano, 1967.

SENELLART, M. Les arts de gouverner. Paris: Seuil, 1995.

SFEZ, Gérald. Machiavel, La politique du moindre mal. Paris: Presses Universitaires de France, 1999.

STRAUSS, Leo. Thoughts on Machiavelli. Chicago: The University of Chicago Press, 1978.

TOMMASINI, Oreste. La vita e gli scritti de Niccoló Machiavelli. Roma: Società Editrice el Mulino, 1999 (v. 2).

VALADIER, Paul. Machiavel et la fragilité du politique. Paris: Seuil, 1996.

VÁRNAGY, Tomás. (comp.). Fortuna y Virtud en la República Democrática - Ensayos sobre Maquiavelo. Buenos Aires: CLACSO, 2000.

VILLARI, Pasquale. Maquiavelo: su vida y su tiempo. Versión española de Antonio ramos Oliveira y Julio Luelmo. México: Biografias Gandesa, 1953.

ZANZI, Luigi. I segni della natura e i paradigmi della storia: il método del Machiavelli. Manduria: Lacaia editore, 1981.